SISTEMAS E SOLUÇÕES

Sist. para Aeronaves de Asas Fixas
  - WAD - Wide Area Display
  - A-1 (AMX)
  - AF-1
  - A-29 (EMB-314 Super Tucano)
  - Aviônicos
  - C-95M e P-95M
  - Dash V
  - KC-390
  - F-5M
  - Simulador - Força Aérea - EHUD
  - Sistema de Guiagem por Acompanhamento de Relevo
  - T-27

Sist. para Aeronaves de Asas Rotativas
  - Anvis HUD
  - D-Atena
  - Micro-Atena
  - STAR - Kit de Guiagem a Laser

Aeronaves Remotamente Pilotadas
  - Skylark® C
  - Skylark® I-LEX
  - Hermes® 90
  - Hermes® 450
  - Hermes® 900

Segurança Pública
  - Safe Border
  - Safe City
  - Safe Ports
  - Safe Sites
  - Sigop
  - Lorros
  - Seros
  - Skeye
  - Simulador Segurança Pública

Sistemas para Blindados
  - DVE - Sistema de Condução Noturna
  - Simuladores para o VBPT - Guarani
  - UT30BR

Sistemas de Comunicação
  - MIPR
  - mTMR
  - MSR-3400
  - SDR-7200HH

Sistemas de Navegação
  - EGI

Sistemas para Tropas a Pé
  - Display de Combate
  - JS EYEPIECE
  - PDU
  - RAPTOR
  - S-NAV

Sistemas Optrônicos
  - Aquisição e Designação de Alvo
  - Família ATENA
  - Família Coral
  - GroundEye
  - Coral CR Atris
  - LIZ-M
  - Loris
  - MARS
  - Oasis
  - Spectro XR

Contrato de Suporte Logístico
  - CLS
  - Login DCS

Sistemas Espaciais
  - Computador de Bordo
  - MMM - Microssatélite Multimissão Militar
  - Suprimento de Energia

Treinamento e Simulação
  - Forças Terrestres - Tatical e QG
  - Forças Terrestres - Treinamento ao Vivo
  - Forças Terrestres - Operadores
  - Forças Navais
  - Simulador Segurança Pública
  - Simulador - Força Aérea - EHUD
  - Simuladores para o VBPT - Guarani


 

Notícias
 
21/Jun/2012
VANT monitora região do Riocentro durante Rio+20
 

É a primeira vez que uma aeronave não tripulada é empregada sobre um centro urbano no Brasil.

Pela primeira vez, desde que começou a ser operada pela Força Aérea Brasileira, a aeronave remotamente pilotada (ARP) está sendo empregada em um grande centro urbano. Também conhecido como Veículo Aéreo Não Tripulado (VANT), o RQ 450 monitora a região do Riocentro durante as conferências dos Chefes de Estado da Rio + 20. Por meio de sensores e câmeras, transmite imagens em tempo real para o Centro de Controle Operacional (CCOP).

A ARP pode realizar monitoramento de trânsito e de multidões, além de ações de reconhecimento, busca, vigilância e inteligência. “Nossa atuação é separada do tráfego aéreo normal. Ficamos na região em que o espaço aéreo está restrito”, afirma o comandante do Esquadrão Hórus (1º/12º GAv), Tenente-Coronel Donald Grankow. Segundo ele, a aeronave tem autonomia de voo de até 15 horas. “Podemos permanecer por horas monitorando o mesmo ponto”, garante.

Do interior de um abrigo (shelter) especialmente montado para operações militares, pilotos são capazes de controlar a aeronave a quilômetros de distância por meio de um sistema de enlace de dados. A ARP permite que missões de reconhecimento aéreo com a possibilidade de transmissão das imagens em tempo real para qualquer localidade do Brasil.

O Esquadrão Hórus, localizado na Base Aérea de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, é a única unidade da Força Aérea Brasileira a operar a ARP. O RQ-450 é fabricado por uma empresa de Israel e, além dos fins militares, também pode ser empregado na área de segurança pública, no controle de desmatamento e em operações de defesa civil.
A aeronave possui 450 Kg de peso de decolagem e pode embarcar vários sensores simultaneamente. Ela mede 6 metros de comprimento por 8 metros de envergadura (da ponta de uma asa a outra). Voa a 110 km/h, pode atingir cerca de 5 mil metros de altitude e permanecer em voo por mais de 15 horas.

A Rio + 20 é uma das maiores operações em que o VANT é empregado. A aeronave também realizou missões durante a operação Ágata I, em Manaus (AM), em agosto de 2011. Na ocasião, o RQ-450 localizou uma pista de pouso clandestina que, posteriormente foi bombardeada por caças da FAB.

Não deixa de ser oportuno observar que onde a operação de VANT’s em centros urbanos já uma prática relativamente comum, já se discutem as questões de direito à privacidade que implicam, visto que tudo indica que se trata de uma tendência sempre crescente em todo o mundo.



Fonte (parcial): FAB.

 
 
 
menu_inf servicos imprensa fornecedores noticias servicos_downloads clientes servicos_trabalhe_conosco gestao_da_qualidade ael sistemas